quinta-feira, 17 de maio de 2012

Coreia do Norte dende a óptica NS



E bem sabido que na 2GM houvo gente doutras raças que apoiarom à Germânia NS. Concretamente o Batalhom 43 da Wehrmacht que estava formado por orientais de diferentes etnias. E já que falamos de Coreia do Norte, temos que sinalar que os coreanos junto com os japoneses forom os mais fieis e leais do batalhom, devido ao código bushido e a sua religiom.

Tropas de origem asiático estudando o terreo baixo supervisom de oficiais germanos

"O curioso do caso, é a hipocresía dos comunistas europeus, que jamais aceitariam nada semelhante em Europa ao que é a RDPC"

Imos-vos pedir que imaginem umha Europa ou Gallaecia à imagem e semelhança da Coreia: soberana e autárquica, fondamente tradicionalista e de raigame religioso confucianista-chamanista (no nosso pagano-cristiam), uso e fomento da energia nuclear (limpa), poder herditário (nom nepotista), militarizaçom social e forte hierarquia de poder, mantimento de grandes áreas des-industrializadas, culto á raça ("danil minjok" - "um único sangue"), orgulho racial e pureza ("a raça mais limpa" um dos seus lemas), umha bio-política ativa (banco genético, fomento da natalidade) , proibiçom de fluxos migratórios, valores arcaicos orientais mongólido-japo-jōmom de: disciplina, austeridade, marcialidade, patriotismo, ritualidade (no nosso caso ariano-medievais: culto ao sol, patriarcado, eugenismo, aristocrácia), proibiçom das drogas, e um longo etcétera.

Alguém está pola laboura? Aquí os comunistas por normal geral, prefirem os contrários, respectivamente: internacionalismo, multiculturalidade e diversidade, ateísmo e gili-progressismo, pacifismo e des-nuclearizaçom, anti-militarizaçom e igualdade, urbanizaçom e modernizaçom, xenofilia, masoquismo racial, vergonha do passado europeu e galaico, despreço da identidade étnica e racial própria, aussência de vontade de poder e de destino, amor polo estrangeiro e a mestiçagem, abortismo, pro legalizaçom de drogas e valores pos-modernos ( nihilismo, egotismo, etc).

A hipócrita escusa é que os norte-coreanos tenhem "umha cultura diferente da nossa e é inaplicável em Europa" ou que "estám noutra situaçom". O caralho! Nós também tivemos sempre umha cultura muito similar nos pontos que expusemos, e regímenes assim, mas é bem sabido que Europa perdeu a sua identidade muito antes do que Oriente. De facto, um dos factores que ajudou nesta auto-destrucçom europeia foi o comunismo. Pois como vimos demostrando o comunismo em Europa nom tem nada a ver com o "comunismo" coreano. O comunismo norte-coreano é um revestimento de símbolos, umha máscara tra-la que se manifesta o ser antergo coreano. Pola contra, em Europa, o comunismo foi mais bem um jugo asiático, dirigido por elites nom-europeias, fondamente alheio ao ser antergo indo-europeu.

Por isso fracassou em Europa, mentres que polo carácter coleitivista, trabalhista e impersonal dos orientais, um sistema pseudo-comunista adaptado é compatível com o ser essencial mongoloide.

Tambén é de destacar que Coreia do Norte carece de Banco Central da rede Rothschild (os poucos estados que também careciam deel, forom destruidos nos derradeiros anos: Afganistám, Iraque, Líbia; algo muito raro de ver no comunismo judeo-europeu, que sempre protegiu a banca central dependente da finança internacional, caso por exemplo da URSS. Pola contra, a retirada do Banco Central Rothschild por Germânia nos anos 30 foi o motivo da 2GM, na que os bloques integrados em dita rede mundial, o capitalista e o comunista, alianarom-se na sua defesa. Em verbas de W. Churchill, a guerra liberou-se porque "Alemanha convertira-se numha ameaça à economia mundial", e que mesmas verbas dixo Sarkozy respeito a Líbia.


O homossexualismo é un rasgo típico da degeneraçom ocidental, já na sua vertente liberal-capitalista como denunciou o próprio Stalinismo ou o Castrismo, assim como na vertente troskt-comunista.

Este fenómeno nom existe na Coreia do Norte, nem em geral na Península da Coreia, ainda que, como denunciou a RDPC, na Coreia do Sul esta-se a começar a promover a homossexualidade, junto com o protestantismo e a imigraçom. Coreia do Norte NOM reconhece como válidos matrimónios entre pessoas do mesmo sexo. Nom há lar para mostras públicas de homossexualidade, nem para locais gais nem movimentos activistas gais.

Mas a homossexualidade nom só está alá socialmente condeada em base a princípios morais-religiosos, senom também a princípios SOCIALISTAS, pois a possessom dumha pessoa por outra do seu mesmo sexo, ao ser umha relaçom que nom produzirá filhos para a comunidade, está considerada como "propriedade privada dum médio de producçom" que é a definiçom do capitalismo.

Os comunistas europeus fazem pressom para que Coreia do Norte cámbie a percepçom da homossexalidade, mas o certo é que, mais aló da urbanizada capital (Pyongyang), obrigada a ter contato com o mundo exterior, no rural norte-coreano nom há lar para estes temas burgueses, pois um comunicado do seu governo definiu como "rejeitado pola RDPC polo seu consumismo, classismo e promiscuidade, que definem a cultura homossexualista ocidental". Em Pyongyang a RDPC afirmou que considerava à homossexualidade como "um rasgo genético que ia na contra da armonia social".

E o mesmo opinam doutras "desviaçons burguesas", Coreia do Norte é outro desses sítios nos que rapam aos punkies e travestis.  Como dize um capitam norte-coreano da Marinha na sua obra "Tormenta de neve em Pyongyang": "Este é o território da nossa república, onde a gente disfruta de vidas acordes ao ser humano. Neste cham, nenhuma actividade dessa classe será tolerada."

Coreia do Norte luita contra o narcotráfico com duras sançons como a pena de morte a aqueles que possuam ou trafiquem com qualquer tipo de droga. Nas ciudades principais da Coreia do Norte, estám colgados a pé da rua, decretos para que todos os habitantes poidam ler. Entre eles, atopam-se as medidas contra o narcotráfico. Neste decreto especificam-se obrigas de como: "avisar aos guardas oficiais no caso de descobrir um movimiento suspeitoso que tenha a ver com o narcotráfico". Penas a todos aqueles e ao seu entorno que possuam droga,

Também a aussência do accesso ao Internete é justificado polo RDPC como umha maneira de proteger ao povo de conteúdos inadequados para o próprio consumo de drogas. Na RDPC proibem as drogas porque: som contra-revolucionárias, destruem o proletariado convertendo-os em vagos, hedonistas e individualistas.

Coreanos aliados da Germânia NS, caturados polo bando aliado

Há que sinalar também, que as relaçons que tinha Coreia do Norte com a URSS e o seu falso socialismo, esse comunismo que protegia a banca central dependente da finança internacional, tivo consequências catastróficas para os norte-coreanos. Entre os anos 1995 e 1996 logo do colapso do Império Soviético desatou-se umha grande carestia que matou de fame ao 10% da povoaçom do estado, uns 2 milhons de habitantes, na sua maioria crianças e ancians.

7 comentários:

  1. nazistas a defender o sistema Juche comunista?? Na Praza Kim Il Sung de Pyongyang há retratos de Lénine, Stáline e Marx, nom de Hitler.........4 traidores que lutarom contra o comunismo nom fam umha imágem real dum povo, também houbo ucrainos e eslavos nas Waffen SS, e ainda assím a URSS aniquilou o III Reich, como o Exército Popular de Coreia aniquilou ao Exército Imperial Xaponés. Moito da a internete pra facer estes artigos? E pra soltar tantas mentiras sobre o comunismo europeu? Juan Nogueira, Secretario Geral dos CJC, xuventudes do PCPE, estivo 4 veces na Coreia..........nada que ver com as mentiras que voçés (que jamais pissarom nem pissarám tal país) dissem neste artigo. A RPDC é comunista, máis que lles pesse a avoçés, e o seguirá a ser.

    Por certo, este artigo foi remitido a Alejandro Cao de Benós, presidente da Korean Friendship Association e único membro estranxeiro do Governo da RPDC, que terá algo que dicir sobre este articulo.

    ResponderEliminar
  2. Cre-mos que você nom percebeu bem ou nom leu ajeitadamente o artigo, recomendariamos-lhe novamente a sua leitura.

    O título deixa bem claro o exposto: "Coreia do Norte dende a óptica NS"; é dizer a nossa visom sobor os valores e prácticas positivas do governo norte coreano.

    Ninguem negou que dito governo seja comunista, nem ninguem dixo que nas praças do país houbera retratos de Adolf Hitler (isso seria políticamente incorreto até para eles mesmos).

    Fala-se dos voluntários coreanos nas Wehrmacht por razons evidentes. Nom é para dizer que fossem NS nem doutro sentir ideológico, eram militares. Um NS sempre tem que fazer um sobresforço à hora de explicar o que é realmente a sua ideologia, dada a falsa propaganda sofrida (A teoria racial NS exposta polo sistema de ódio e xenofobia cara o resto das raças). E umha vez exposto isto ao leitor com dados históricos, passa-se a explicar o tema que da título a este artigo. Nom nos veu contar nada que nom souberamos referente aos Ucranianos tampouco(que som eslavos também), e o que fixo a URSS com a ajuda dos EUA.

    Nom se expuso nenhuma mentira sobor de nada neste artigo, e de ser assim você mesmo pode debatí-lo com argumentos, e nom bailando-lhe a auga a outros persoeiros defesores do comunismo norte coreano. Ainda assim, de ter qualquer réplica o senhor Caos estaremos a bem para respostar-lhe sem problema.

    Tampouco faze falha que se invente a vida pessoal de ninguem do nosso movimento, pois se forom visitar ou nom tal país nom é do seu interesse, nem lhe deve importar; e por ende nom o sabe nem o saberá.

    Aconselhamos-lhe ler novamente o artigo e entender a nossa visom sobor o aproveitável e positivo (para nós) do governo norte coreano. Isto é algo que nom devia surprender a ninguem lido nestes assuntos, de aí o nosso permanente sobresforço nas explicaçons. Nom temos nenhum problema em contar também as cousas positivas doutros comunistas nacionais (galaicos), hispânicos ou europeus, como por exemplo o do senhor Gordillo, o CUT-BAI, e o seu sistema social económico e político praticado no povo de Marinaleda (Castilla). Pois som ideias que partilhamos com o socialismo "internacionalista", e que o NS histórico nunca tivo problema em reconhecer.

    Recomendamos-lhe que de continuar escrevendo neste blogger, faga-o com o maior dos respeitos cara o nosso movimento e coidando a sua língua escrita, pois é umha verdadeira vergonha lé-lo sinceiramente, do contrário nom serám subidas as suas novas mensagens.

    ResponderEliminar
  3. Este comentário foi removido por um administrador do blogue.

    ResponderEliminar
  4. Em resposta ao usuário Soyuz:

    Nom pretenda converter este espaço numha prolongaçom da sua insistente teima em: Insultar o nosso idioma escrito, faltar o respeito ao nosso movimento, inventar-se a vida de gente do nosso movimento, queixar-se do escrito sem dar nenhuma argumentaçom...

    Tampouco nos é de interesse a vida da sua avoa. Centre-se por favor, e resposte ponto por ponto com argumentos ao exposto neste texto. Nom se vaia polos ramalhos falando de cousas que nom venhem absolutamente a nada. Se nom sabe escrever galego, faga-o no galego-castelã "RAG", ou no castelám moderno "RAE".

    O único que nos era de interesse da sua resposta, era a resposta do senhor Caos, mas chegou-nos curtado o texto: "Estimado **********, esa página no se merece tu visita, probablemente la"... Esperamos tenha a bem remitirno-la enteira aqui mesmo ou bem ao email do movimento MRA_Gallaecia@hotmail.com

    Pense bem a sua seguinte resposta se quer seguir publicando neste espaço. Saúdos

    ResponderEliminar
  5. soy Soyuz, MC de la Doble Zero Maff Squad del Distrito 11, Zona Fe Ultramar y San Juan represent

    Perdonar es k fumo tanto porros k me creo nazi, facha o comunista, dependiendo del dia sabeis?, y no sepo ni escribir gallego ni español en realidas

    a ver kuando fumo me creo q soys como las zorras kuando doy mis konciertos y me dicen ke son mis fans, y yo las miro y les digo, tremenda de zorra estupida, me konocias de antes de ser emecee y ni me mirabas, ahora kieres follarme? ke te jodan y les escupo dejandotas todas rotas y obcekadas, al igual lo flipas con lo chungo q soy

    Aqui unas fotos mia de kuando iba de nazi, homenajeando a unos fachas en Priorinho (soy reintegrata guay)

    http://i47.tinypic.com/70c6sk.jpg

    http://i48.tinypic.com/2jagvet.jpg

    y aki de rojo

    http://i46.tinypic.com/35i836t.jpg

    Komo veis no me cambio ni la ropa mugrienta de guarrete que soy jejejee

    Saludos chorbos!

    ResponderEliminar